Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por detrás das palavras

Opinião | "Às cegas" de Josh Malerman (Bird Box #1)

Às Cegas
Classificação: 3 Estrelas
 
As primeiras páginas deste livro foram bastante interessantes para mim. Este meu interesse foi desencadeado pelas teorias que comecei a formular na minha cabeça. Foram páginas que me remeteram para as minhas aulas de Psicologia Social onde abordamos as dinâmicas de grupo e a pressão que os elementos dentro de um grupo podem exercer sobre outros.

Li o livro sempre com esta teoria em mente. Infelizmente o livro seguiu outra direção e as minhas teorias psicológicas sobre o assunto permaneceram apenas na minha cabeça. Tenho de admitir que fiquei um pouco desiludida porque, para mim, teria sido mais interessante se a história tivesse evoluído com base na minha teoria.

Quando Daniela viu que eu tinha terminado a leitura pediu-me Vá descarrega lá todas as tuas queixas, frustrações e todos os defeitos que tens para apontar (só ela conhece muito bem as minhas paranóias com livros deste género). Porém, acho que a desiludiu! A verdade é que não tenho nada de negativo ou que me tivesse irritado para partilhar com ela.
Do meu ponto de vista, a narrativa está bem construída, há situações que nos deixam em suspense, há situações que provocam algum medo e as personagens aparecem bem enquadradas em todos os momentos da história. Apesar destes aspetos positivos, a história não funcionou comigo. Neste livro em particular, as coisas fizeram-me sentido contudo, não me senti entusiasmada com a história. É um daqueles casos em que a opinião que formo do livro é fundamentada no meu gosto pessoal e naquilo que me entusiasma enquanto leitora.

Não me senti particularmente tocada por nenhuma das personagens. Gostei da Malorie e admirei a sua capacidade de sobrevivência e senti que Tom era um excelente líder. Porém não me marcaram, nem se tornaram memoráveis para mim. No fundo, o que me ficou desta história e que acho que irei recordar serão as circunstâncias de vida que as personagens passaram a ter de enfrentar.

Eu senti falta de alguma adrenalina enquanto li o livro. Quando um livro chega uma determinada etapa, parece que a narrativa fica congelada. A história passou a ser alimentada por incompatibilidades geradas pela convivência forçada e entrou numa espécie de rotina que não me oferecia novas sensações ou revelações. Fiquei aborrecida, senti que a história não nos podia oferecer muito mais dadas as circunstâncias, mas ao mesmo tempo seria uma oferta limitada tendo em conta o caminho escolhido para o desenvolvimento da narrativa.

Quando chego ao final, as coisas começam  a animar um bocadinho. Foi dinâmico, intenso e com sentido tendo em conta as circunstâncias. A única coisa  que me deixou triste foi constatar que a minha teoria saiu completamente ao lado. Sim, ainda alimentei a minha teoria até às últimas páginas. Afinal de contas a esperança é a última a morrer.

Penso que para quem adora livros que se encontram neste género literário vão adorar ler e conhecer esta história. Para aqueles que, como eu, são os mais céticos e racionalistas vale a pensa descobrir este livro e sair da nossa zona de conforto. É uma forma de nos fazer pensar noutras alternativas e quebrar um pouco a nossa linha racional.

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Os motivos]


Desta vez não sabia muito bem que livro enviar à Daniela, por isso pedi-lhe que me indicasse três requisitos que o livro deveria ter. Ela indicou:
  • Até 450 páginas;
  • Que não seja histórico;
  • Que me faça rir.
Considerando estes requisitos a minha escolha recaiu sobre:

Perfume da Paixão (Edilean, #3) 

É um livro com uma narrativa levezinha, com alguns momentos divertidos e que poderá corresponder aos requisitos que a Daniela apresentou.
Espero que gostes.
Não se esqueçam de passar no blog da Daniela para conhecer a reação dela a este livro. 

Por detrás da tela | "Manchester by the Sea" (2016)

Casey Affleck and Michelle Williams in Manchester by the Sea (2016)
Classificação: 9/10 Estrelas

Manchester by the Sea é um filme poderoso. Quando comecei a ver estava longe de imaginar o turbilhão de emoções que este história guardava. 
No filme conhecemos Lee Chandler, um homem com um passado doloroso e que a morte do irmão o obriga a enfrentar. 

A interpretação de Casey Affleck é brilhante. Eu vi nele um homem perturbado, um homem cheio de angústias e muito magoado consigo próprio. Alguém que cometeu um erro e que o reconhece, carregando-o como se fosse um peso que o impedisse de seguir em frente. 

O cuidado do sobrinho adolescente dá-lhe tempo para ele reconstruir as suas memórias e pensar sobre o que terá de fazer no futuro. 
A forma alheada como ele vai vivendo aqueles dias onde ele viveu e onde os seus fantasmas ficaram a pairar tornou-se angustiante para mim. Sofri imenso ao ver o Lee sofrer. E ele sofria por não se sentir bem ali. Muitas vezes o senti como se algo o asfixiasse e não o deixasse viver. 

Ao chegar a uma determinada fase do filme eu consegui antever o que motivou a fuga de Lee, porém isto não diminuiu o impacto emocional que aquelas imagens tiveram em mim. Foi após esta descoberta que comecei a pensar sobre como é que este homem iria construir o seu futuro. Estava demasiado habituado a estar sozinho, olhava para si próprio como alguém incompetente para tomar conta de alguém. No fundo, a depressão engolia-lhe a alma há demasiado tempo.
Perante este conjunto de fatores, questionava-me como é que ele ia lidar com o facto de se ter tornado o tutor do sobrinho.

E a minha resposta chegou com um final que me apanhou de surpresa pela sua onda inconclusiva. A minha veia positiva esperava um happy end, daqueles bem intensos. Isso não aconteceu, foi ainda melhor do que eu tinha imaginado na minha cabeça. Senti que foi melhor porque foi realista, porque me deixou surpreendida e porque me deixou a pensar em mil e uma possibilidades de tudo o que poderia suceder a seguir. Nem sempre sou fã de finais em aberto, mas neste caso funcionou muito bem.

O filme está muito bem construído com histórias de vida densas e com um forte impacto emocional. Mereceu todos os prémios que ganhou. É um filme que me ficará na memória e que tenho a certeza que gostarei imenso de rever. 

Abril | Quem chegou?

Este mês foram dois os livros que chegaram aqui a casa.
Conheçam lá os novos residentes em lista de espera.

Troca
Através de uma troca recebi o livro  Espero por ti de Jennifer Armentrout. É um daqueles livros ideal para intercalar com leituras mais complexas e que exigem mais de nós.

Espero Por Ti (Wait for You, #1)

Book Swap
A C. do blog O meu reino da noite dinamizou uma troca de livros para comemorar o Dia Internacional do Livro e dos Direitos de Autor.
O livro que recebi foi O Diário de um Mago de Paulo Coelho. 


Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Reading Challenge

2023 Reading Challenge

2023 Reading Challenge
Silvana (Por detrás das Palavras) has read 0 books toward her goal of 30 books.
hide

Palavra do momento

Por detrás das Palavras

O Clube Mefisto

goodreads.com

Mais visitados

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub