Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por detrás das palavras

Opinião | "O Bairro das Cruzes" de Susana Amaro Velho

49003520._SY475_.jpg

Classificação: 4 Estrelas

Fiquei apaixonada pela escrita da Susana Amaro Velho quando li "As Últimas Linhas Destas Mãos". As emoções fluíram nas palavras e na delicadeza com que contava uma história onde a tristeza  e a relações familiares tinham o papel principal. 
Quando vi que a escritora tinha publicado um novo livro fiquei com imensa curiosidade de o ler. 

"O Bairro das Cruzes" apresenta-nos uma narrativa bastante diferente do livro anterior. Estas páginas guardam uma história de um bairro e das relações complexas que só as famílias sabem desenhar. 
Conhecemos Rosa e Luísa, as nossas duas protagonistas. São primas, unidas por uma amor que só os laços de sangue conseguem explicar. É este parentesco que as torna próximas, já que as personalidades e a forma como olham para o mundo em nada as liga. 
Luísa é perspicaz, ávida por conhecimento e muito ponderada. Rosa gosta dos caminhos fáceis, da aventura e da inconsequência. Vivem numa contexto sociocultural que não favorece o seu desenvolvimento e a ditadura Salazarista e Marcelista suga-lhes a liberdade. Luísa quer ser livre, quer perceber o estado do país. Rosa quer apenas viver bem.

P_20191222_120337.jpg

Ao longo do livro acompanhamos o crescimento da Luísa e da Rosa e vamos conseguindo perceber que existem coisas bem mais complexas que ditam as vidas destas raparigas. 
Sempre estive muito curiosa para acompanhar a evolução destes dois espíritos tão característicos. Queria ser surpreendida, e fui! A Susana apanhou-me na curva da minhas divagações sobre os acontecimentos narrados. 
A forma como esta história termina conseguiu surpreender-me. 

Gostei muito da história, gostei das personagens que se vão entrelaçando na vida da Rosa e da Luísa. Apenas senti de falta de uma maior calma. Senti que a Susana estava com pressa de dar forma à história, não de deu o tempo necessário para tudo crescesse e se materializasse de forma mais coesa. 
À medida que ia lendo senti falta da escrita calma que encontrei no primeiro livro. Há aspetos que mereciam um maior desenvolvimento e o final deveria ser como um bombom que vamos deixando derreter na boca, ou seja, as palavras e os acontecimentos deveriam ter sido servidos de forma mais detalhada e pormenorizada para que eu pudesse ter mais tempo para assimilar a grandiosidade de surpresa que a Susana guardou para fim. Senti que havia ali muita pressa de contar a história, sem lhe dar tempo para amadurecer.
Tal como no livro anterior senti falta de alguma expressividade nos diálogos. É muito texto seguido, narrado... Faltaram-me as emoções, os gestos de raiva e de amor, os olhares cúmplices e sons de repugnância. Precisa que os diálogos me contassem menos a história e me mostrassem mais. Em alguns momentos, senti falta de uma escrita um pouco mais gráfica e expressiva. 

Apesar destes pequenos elementos, este livro solidificou a minha ideia relativamente aos livros e às histórias que a Susana cria. É uma autora portuguesa que merece o nosso apoio.

Uma leitura com o apoio de...

3dd0e8ca2a46ce63f959d3d68b6bb884_L.jpgNota: O livro foi-me disponibilizado pela editora em troca de uma opinião honesta.

Por detrás da tela | "Gru, o Maldisposto" 1 e 2 (2010, 2013)

Sem Título.jpg

Gru - O Maldisposto 1: 6/10 Estrelas
Gru - O Maldisposto 2: 7/10 Estrelas

Os Minions fazem muito sucesso junto das crianças que eu conheço. Já perdi a conta aos postais de aniversário em que estes pequenos seres amarelos foram os principais protagonistas. Apesar de toda esta minha ligação eu nunca tinha visto o Gru nem o filme que lhe é dedicado.
Como passaram na televisão agora durante a época natalícia decidi aproveitar.

Fiquei muito desiludida com o primeiro. Achei piada a algumas coisas, nomeadamente ao comportamento do Gru e ao seu meio de transporte e claro aos Minions. Fora isso achei o filme um pouco aborrecido e em que a mensagem não passou de forma muito clara. Gostei imenso da Margô, da Agnes e da Edith e da mensagem que as personagens delas procuram transmitir. No fundo, elas são o símbolo de tantas outras crianças institucionalizadas que apenas querem uma família. 

Foi uma filme morno. Dormitei enquanto via e acabei por puxar atrás para não perder nada do filme. Faltou qualquer coisa que me agarre-se à história e que me encantasse como tantos outros filmes de animação já o fizeram.

Com estes sentimentos parti para a visualização do segundo filme. Já achei mais piada. Já consegui olhar para o Gru de uma forma mais humanizada e achei o seu comportamento mais interessante. 
A chegada da Lucy ofereceu um toque mais sentimental e especial ao filme. (Certo, eu não resisto a uma boa história de amor! ) Ela, juntamente com as crianças, fez com que Gru crescesse e revelasse um lado mais especial. 
A temática em torno do filme foi também mais clara para mim. Consegui perceber melhor o propósito do filme e qual a mensagem que prendia oferecer aos telespetadores. 

Sei que há um terceiro filme. A minha vontade de ver está ao mesmo nível da minha vontade de não ver. Não sei o que esperar do filme, não sei se vale a pena investir na visualização. Estou com sérias dúvidas sobre o que fazer...

Bem... desse lado, já viram o 3 filme? Recomendam? Acham que vale a pena ver?

Opinião | "A Fada do Lar" de Sophie Kinsella

9609700.jpg

Classificação: 4 Estrelas

Eu tenho aqueles momentos em que preciso de um livro divertido e descontraído. Um livro que me faça rir e esquecer as agruras da vida. Pelo que tenho lido de Sophie Kinsella sinto que ela é uma aposta segura para esses momentos.
Foi na expetativa de me rir um pouco que peguei no livro "A Fada do Lar".  E ri-me... bastante. E também me diverti à grande com a insensatez da Samantha e com o espírito simples e descontraído do Nathaniel.

O livro não é nenhuma obra-prima da literatura. A escrita é simples e o enredo não prima pela complexidade. Tudo neste livro é descomplicado! Contudo, estas páginas guardam aquele tipo de histórias que me apaixonam pela simplicidade que guardam. 
A narrativa está carregada de momentos bem humorados, a maior parte deles protagonizados pela Samantha e pelo casal que a contrata para governanta. 
Porém, o conteúdo também consegue ir um pouco mais longe. Nada que exija processos de pensamento complexo, mas apresenta aquele tipo de situações que me fazem olhar para dentro, para mim própria, para a minha vida e para as minhas aspirações. 

Final.jpg

Eu gostei imenso de conhecer a Samantha. Gostei da inteligência dela. Sofri com o stress dela. Ficava angustiada quando ela teve de tinha de tomar daquelas decisões complicadas e capazes de mudar muitas coisas na vida. Sofria sempre que a Samantha tinha de pegar numa panela para cozinhar. A par do sofrimento vinha a descontração que só aquelas situações mais inusitadas eram capes de provocar. 
Samantha era fogo e vento, Nathaniel era água e brisa, por isso se complementavam de uma forma especial. Ele fez-me sorrir pela doçura e pela simplicidade com que olhava para a vida e para o mundo. Gostei tanto desta personagem masculina. É certo, um pouco idealizada... mas tão doce, tão aquele tipo de pessoas com quem gosto de conviver. Ela era a representação da minha agitação, da minha hiperatividade que me faz andar muitas vezes numa roda vida. 

O livro cumpriu a missão que tinha estabelecido para ele na minha cabeça. Divertiu-me, arrancou-me algumas gargalhadas, fez-me olhar com descontração para a vida e encheu-me de energias positivas.

Postal de Natal Secreto

Postal de Natal Secreto.jpg

Uma das desvantagens de ser a organizadora do projeto é saber de antemão a pessoa que me vai enviar o postal. Porém nada disso quebra o entusiasmo de abrir a caixa do correio e retirar de lá amor e carinho na forma de palavras aconhegantes.

Recebi o postal da Marisa Luna, a administradora do blog Faces da Marisa.

P_20191226_134047.jpg

O postal é lindíssimo e vinha acompanhado de uma bonita mensagem. Obrigada, Marisa.

Aproveito para agradecer a todas as meninas que muito prontamente se aventuraram comigo nesta partilha de postais de Natal. Obrigada por toda a vossa colaboração, atenção e compreensão. Peço desde já desculpa caso algo não tenha corrido como o planeado ou de acordo com as vossas expetativas. Estou disponível para sugestões de melhoria.

 

 

Balanço | Por detrás da tela 2019

Por detrás da tela 2019.jpg

Filmes

  1. Anything for Love (2016)
  2. Titanic (1997) - (visualização repetida)
  3. A Star is Born (2018)
  4. The Light Between Oceans (2016)
  5. Mamma Mia! Here I go Again (2018)
  6. A Febre das Tulipas (2017)
  7. A Sociedade Literária da Tarte de Casca de Batata (2018)
  8. Every Day (2018)
  9. Manchester by the Sea (2016)
  10. A Dog's Purpose (2017)
  11. Sleeping with the Enemy (1991)
  12. Grace of Monaco (2014)
  13. Flores Raras (2013)
  14. As pontes de  Madison County (1995)
  15. All of my heart (2015)
  16. Catch and Release (2006)
  17. Viver depois de ti (2016) - (Visualização repetida)
  18. Wonder: Encantador (2017)
  19. Os invisíveis (2017)
  20. On Chesil Beach (2017)
  21. Angels Fall (2007)
  22. Gru o Maldisposto 1(2010)
  23. Viver depois de ti (2016) - (Visualização repetida)
  24. Gru o Maldisposto 2 (2013)
 
Séries
  1. A Verdade sobre o Caso de Harry Quebert (2018) - 1ª Temporada
  2. Chernobyl (2019)

Em 2019 consegui ver 24 filmes, mais 5 filmes do que no ano anterior.
Foi também o ano em que consegui entrar no mundo das séries. Foram apenas duas, mas considero um bom começo.

Das duas séries que vi descato Chernobyl. Aquele terceiro episódio ficar-me-a eternamente na memória. Uma série aterradora de um período temporal ainda muito próximo de nós. 

Relativamente aos filmes foram poucos os que deixaram uma marca forte em mim. Foram poucos aqueles que deixaram em mim vontade de rever. 
Os meus cinco filmes preferidos foram:

Sem Título.jpg

Dezembro | Quem chegou?

Hoje venho mostra-vos os livros que chegaram cá a casa no último mês do ano. 

Oferta Editora
Durante este mês recebi dois livros que me foram gentilmente disponibilizados por duas editoras. Da Topseller recebi o livro "Uma Mente Perversa" de Chris Carter (cuja opinião já foi publicada) e da Porto Editora recebi o novo livro da Susana Amaro Velho "O Bairro das Cruzes"

Sem Título.jpg

Empréstimo
Para terminar o ano recebi mais um livro da minha amiga e parceira de leituras, a Daniela, para o nosso projeto conjunto Empréstimo Surpresa. Desta vez ela escolheu uma velha conhecida para eu terminar o meu ano literário de forma positiva. Assim, chegou à minha caixa do correio "O Clube Mefisto" de Tess Gerritsen.

10533915.jpg

Compras
Depois do Natal a Wook fez uma promoção em que devolvia 50% do valor de alguns livros selecionados. Decidi aproveitar a promoção e comprei o livro "Viver depois de ti" de Jojo Moyes e um livro técnico que estava a precisar para a minha atividade profissional. 

250x.jpg

Presentes de Natal
Este ano recebi dois livros como presentes de Natal. Um deles é um contributo para a minha coleção de livros da Lesley Pearse, uma vez que recebi o livro "Confia em mim". Recebi também o livro "De Olhos Fixos no Sol" de Irvin D. Yalom e o livro "Mistério em Branco: Um Crime no Natal" de J. Jefferson Farjeon.

Sem Título.jpg

 

Balanço | Mealheiro Literário 2019

Nos últimos anos tenho feito um registo financeiro da minhas leituras. 
É uma excelente forma de tomar consciência dos custos com a leitura e, indiretamente, com o nosso impacto ambiental. 
 
As minhas contas foram as seguintes:

Contas.jpg

Ao longo de 2019 entre leituras de livros provenientes da biblioteca, de ofertas e de empréstimos consegui poupar 657.15€, um valor superior ao de 2018.
Os livros que li e que me foram emprestados por amigas proporcionou-me uma poupança de 126.67€ enquanto que a biblioteca municipal representou uma poupança de 120.28€. 

A poupança foi mais elevada, mas a despesa também aumentou. Em 2018 entre compras e correio editorial gastei 48.70€. Este ano o gasto subiu para 114.33€, mais do dobro. Não é de estranhar este valor, uma vez que também comprei mais livros. 

Em 2018 comprei 4 livro, em 2019 foram 8 os livros que adquiri. 
As compras realizadas em 2019 representam 85.80€. Mais de metade dos livros foram adquiridos em segunda mão. Apenas comprei dois novos, mas com promoção (metade do valor do livro ficou em cartão). Fiz as contas dos livros comprados em segunda mão para comprar os preços. Em seis livros gastei 54.60. Se os tivesse adquirido novos, através do site Wook teria gasto 106.95. Todos os livros estavam em excelente estado.

Desafio dos Pássaros #16 | Amélia e a eterna adolescência

Amélia sentiu o aperto forte na sua mão, não queria abrir os olhos para que eles não se cruzassem com o olhar sofredor daquele cujas lágrimas caiam. O sofrimento dele era mudo, o dela era histriónico. Ele recolhia-se na sua concha, ela era o vendaval que destruía tudo por onde passava.

− Sei que me estás ouvir, Amélia! Abre os olhos, por favor.

Amélia inspirou profundamente e, continuando de olhos fechados disse:

− Para que é que queres que eu abra os olhos? Para o quanto sofrem os teus?

Ele bufou de exasperação.

− Quando é que vais crescer Amélia?

− Acho que não passarei mais do meu metro e sessenta e cinco.

Largou-lhe a mão com brusquidão, arrastou a cadeira para longe da cama, levantou-se e foi até à janela.

− Sabes onde te encontraram? Sabes em que condições estavas quando te trouxe para casa já de madrugada?

Amélia abriu os olhos e, finalmente encarou-o. Viu tristeza e algo pior. Naqueles olhos, que tanto amor já lhe deram, viu a derrota. Ele estava a desistir dela.

− Desculpa, Óscar. – Amélia começou a chorar de forma intensa e com soluços que lhe descompassavam a respiração.

Ele não se moveu para a consolar. Preferiu virar os olhos para o jardim morto. Morto como a vida que ele tinha sonhado para ele e para Amélia. Sem vida, e sem maturidade como o olhar de Amélia.

− Estou cansado, Amélia! Cansado de te obrigar a crescer. Cansado de te tentar orientar. – Voltou a encarar a mulher vazia que jazia na cama e com o choro mais controlado. – O que queres da vida? Continuar a fugir do trabalho para passares o dia a andar nos carrosséis? A andar nos baloiços do parque? A fumar ganzas com os adolescentes do secundário?

Amélia não tinha resposta para aquilo. Havia algo que a impedia de ter uma vida ajustada a uma pessoa adulta. Para ela, a felicidade emergia da vida daquelas miúdas que não tinham medo de nada, que não viviam reprimidas pelo conservadorismo e religiosidade dos pais… Ela queria sentir aquela liberdade inconsequente.

Óscar voltou para junto da cama. Desta vez não lhe deu a mão. Suspirou, sentia-se abatido e sem energia.

− Não és uma adolescente, Amélia. Precisas de ajuda de um profissional. Precisas de encontrar um propósito para a tua vida.

−Eu sei… Ajudas-me?

Balanço Final | De A a Z...

Hoje trago-vos o último balanço relativo aos desafios de leitura a que me propus em 2019. 
Este desafio consistia em preencher as letras do alfabeto com o sobrenome dos autores. 
 
Não completei o desafio. Faltaram-me 10 letras e consegui ler autores correspondentes a 16 letras. Completei mais de metade do abecedário e considero que foi muito positivo. 
 
Ficam aqui as leituras que consegui encaixa neste desafio. 
De A a Z...
 
Alexander, Robert Os Últimos Dias dos Romanov
Backman, Fredrik A Minha Avó Pede desculpa
Coelho, Paulo - O Diário de um Mago
Deveraux, Jude - Perfume de Jasmim
E
F
Gerritsen, Tess Desaparecidas
Hoover, Colleen - Amor Cruel
I
Jensen, Liz - A nona vida de Louis Drax
Kane, Andrea - Revelação Inesperada
L
Major, Cesca - Uma voz perdida na guerra
N
O
Pinto, Gilberto - A Rapariga que Veio do Frio
Quinn, Julia - A Caminho do Altar
Rice, Luanne - Espero por ti este Inverno
Steel, Danielle Uma paixão
Tordo, João - O Bom Inverno
U
Valadão, Isabel - Loanda
W
X
Y
Záfon, CarlosMarina
 
Este desafio tansitou para 2020 agora com o nome de Abecedário Literário. Espero conseguir ultrapassar o número de letras preenchidas em 2019.

Mais sobre mim

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Reading Challenge

2023 Reading Challenge

2023 Reading Challenge
Silvana (Por detrás das Palavras) has read 0 books toward her goal of 30 books.
hide

Palavra do momento

Por detrás das Palavras

O Clube Mefisto

goodreads.com

Mais visitados

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub