Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por detrás das palavras

Por detrás das palavras

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [O desafio]

12.04.22

21843884_S3Ee6.jpeg

Desafio do livro "Rapariga Silenciosa”, de Tess Gerritsen

Eu mereço um grande puxão de orelhas, patrocinada pela Daniela. Ando muito atrasada nos desafios e em tudo no que ao blogue diz respeito. Como sou apologista do "mais vale tarde do que nunca", sinto que venho sempre a tempo de responder ao desafios (mesmo que seja de um livro lido em 2021 e cujo desafio foi enviado dias depois da leitura). 

Um dia diferente

As tuas aventuras na companhia da autora ainda não terminaram.

Já lhe deste a ideia para um novo assassino em série, criaste um título para um dos seus livros e mataste uma das suas personagens.

Agora terás um pouco mais de liberdade.

O que tens de fazer? Escolher uma personagem (do livro que terminaste de ler) e planear um dia na sua companhia. O que vais fazer? Dar-lhe a conhecer a tua cidade? Ir ao cinema? Experimentar um desporto radical?

A decisão é tua!

Preparada para mais um desafio?

Eu pegaria na Regina, a filha da detetive Rizzoli, para proporcionar-lhe um dia diferente. Assim, ela poderia trabalhar de forma mais descontraída ou descansar depois de uma investigação intensa. 

Plano de atividades:

Parte da Manhã
Iria com a Regina a uma quinta pedagógica, na região de Coimbra, para que ela pudesse alimentar os animais e brincar na natureza. Aproveitaríamos o espaço para estender uma manta na relva e almoçar. Para isso, levaria uma cesta com fruta, sandes, legumes e sumos naturais para aproveitarmos uma refeição ligeira num espaço agradável.

Parte da tarde
Passaríamos a tarde no Portugal dos Pequenitos, onde a Regina poderia conhecer muitos dos espaços nacionais e divertir-se a brincar nas casinhas ajustadas ao seu tamanho. No final, rumaríamos ao parque verde, junto ao rio, e comeríamos o resto do nosso lanche. 

Daniela, aprovas este plano de atividades?

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Os motivos]

04.04.22

Já seguiu mais um livro da minha estante diretamente para as mãos da Daniela .

Desta vez, escolhi o livro "Um por um" de Chris Carter.

500x.jfif

Foi uma escolha segura. Quis enviar um livro que proporcionasse uma leitura rápida e intensa de forma a ajudar a Daniela a desligar dos seus trabalhos de revisão.

Passa no blog da Daniela e fica a conhecer a reação dela à receção deste livro. 

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Livro Recebido]

22.03.22

Não tenho andado com muita disponibilidade mental. Isto deixa-me cognitivamente cansada, o que me deixa com pouca cabeça para leitura. 

Quando a Daniela estava a preparar o envio, perguntou-se se tinha alguma preferência. Pedi-lhe uma leitura mais descontraída, e ela fez a escolha certa. Assim, cá a casa chegou o livro "Palavras amargas" de Vi Keeland e Penelope Ward. 

Untitled design (6).jpg

Passa pelo blog da Daniela para conheceres os motivos que ditaram o envio deste livro. 

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Os motivos]

18.01.22

O mundo gira e o tempo passa... Ainda no ano passado, enviei um novo livro à Daniela no âmbito do nosso projeto Empréstimo surpresa.

Na altura a minha escolha foi "O ano da dançarina" de Carla M. Soares.

dançarina.jpg

Escolhi enviar este livro, porque ele poderia ser usado num dos desafios da Daniela. 

Passa pelo blog Quando se abre um livro para conheceres a reação da Daniela.

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [O desafio]

10.11.21

21843884_S3Ee6.jpeg

Desafio para o livro "O boss" de Vi Keeland

Andava a dever este desafio à Daniela há imenso tempo, mas não estava esquecido.

Untitled design (10).jpg

O que gostas mais e menos nos livros eróticos?

1.png

Pesquisa três livros dentro do género d’«O Boss» que gostarias de ler.

"O egomaníaco" de Vi Keeland

41831694._SY475_.jpg

A premissa deste livro, um advogado dedicado a casos de divórcio e uma terapeuta de casais que são obrigados a partilhar espaço, sugere um livro cheio de peripécias e com muita animação. Fiquei a saber da sua existência através da Daniela e fiquei com bastante curiosidade para o ler. 

"Signor Ridini" de Hélène White 

56925833._SX318_.jpg

A personagem principal feminina deste livro distancia-se do padrão de personagens que costuma surgir neste género de livros. Este é o grande motivo que espicaça a minha curiosidade e me dá vontade de ler este livro.

"Cretino irresistível" de Christina Lauren

17983547.jpg

Esta é daquelas séries que parece reunir os ingredientes essenciais deste género de livros: diversão, humor e erotismo. 

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Livro Recebido]

09.11.21

Hoje venho mostrar-vos o último livro que recebi vindo da estante da Daniela.

Untitled design (5).jpg

"Rapariga silenciosa"
Tess Gerritsen

Fiquei muito contente com a escolha da Daniela. Tess Gerritsen oferece, quase sempre, uma história cheia de energia que me motiva para a leitura.
Como deves calcular, já está lido! Prometo trazer uma opinião o mais breve possível. 

Passa no blog da Daniela para ficares a conheceres o que é que a motivou a enviar-me este livro.

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Os motivos]

31.08.21

Chegou a minha vez de enviar mais um livro à Daniela. 

Desta vez decidi ceder a um desejo dela. Uns dias ou semanas antes (já não me recordo) cruzei-me com uma storie dela a dizer que tinha saudades de ler um romance de época e que achava que não tinha nada na estante dentro do género. Registei esse desejo e chegada a minha vez optei por lhe enviar o livro "Duquesa do meu coração" de Maya Banks.  

P_20210525_091710.jpg

É um livro que apesar de ser maioritariamente descontraído tem ali um lado um pouco mais dramático que achei interessante. 

Vamos lá conhecer a reação da Daniela?

Opinião | "O boss" de Vi Keeland

27.08.21

Untitled design (10).jpg

A Daniela adivinhou o quanto eu precisava de um livro assim: leve, divertido e muito descontraído. Li-o em menos de 24 horas e ri como já não ria há muito tempo com um livro.

Nas primeiras páginas, Chase e Reese protagonizam uma sequência de momentos extremamente hilariantes e cheios de peripécias que originam gargalhadas muito fáceis. Ao mesmo tempo que estes dois colecionam momentos embaraçosos, crescem entre eles sentimentos que os aproximam, assim como uma tensão sexual que abrilhanta todos os momentos de sedução. 

Esta leveza narrativa vai-se diluindo com o desenvolvimento da história. A componente dramática começa a ganhar destaque permitindo ao leitor conhecer outro lado das personagens. Na minha opinião, considero que este acrescento à história oferece um lado mais intimista. Apreciei imenso o lado cómico do livro, mas também fiquei muito satisfeita com o tom mais dramático e sombrio. 

Foi uma excelente leitura para assinalar o início das minhas férias.
Reese é uma rapariga bastante inspiradora e dinâmica. Um verdadeiro espírito livre. Acho que gostei muito dela por ser tão diferente de mim. Não se inibe, luta por aquilo que quer e tem um talento natural para protagonizar situações embaraçosas.
Chase, aos olhos de Reese, é um homem de retirar o fôlego. O que mais gostei nele foi o seu carácter e a forma como geria a sua empresa. É um gestor que age com respeito, transparência e que valorizava cada um dos seus colaborares, reconhecendo-lhes competência e talento.

Muito se tem partilhado sobre o preconceito literário. Aos olhos de alguns leitores, este livro poderá ser considerado "inferior". É óbvio que o livro não é nenhuma obra prima da literatura, mas tem uma narrativa coerente, personagens bem construídas, tem humor e deixa mensagens importante ao leitor:

  • O nosso passado não nos define;
  • Quando amamos uma pessoa respeitamos as suas manias e idiossincrasias; 
  • Quando se ama e confia não há medo em partilhar as manias mais estranhas;
  • Há muitos estilos de liderança, mas quando se opta por um estilo democrático e de respeito o ambiente é muito melhor e os colaboradores são mais produtivos;
  • Por muitos que sejam os obstáculos, há amores que sobrevivem e fortalecem a ligação entre as pessoas. 

"O boss" é um livro que ensina sobre o poder da empatia e nos obriga a olhar para as relações humanas de diferentes ângulos e perspetivas, sem julgamento, ao mesmo tempo que oferece diversão e muitas gargalhadas. 

Classificação

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Livro Recebido]

05.08.21

E os livros voltaram a circulação e a Daniela fez-me chegar mias um aqui a casa. 

Desta vez, a escolha dela recaiu em "O Boss" de Vi Keeland. 

Untitled design (4).jpg

Nunca li nada da escritora, mas parece-me uma boa leituras para este tempo mais quente e para a pausa do trabalho. 

Passa no blogue da Daniela, Quando se abre um livro, e fica a conhecer os motivos que a levaram a esta escolha.

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [O desafio]

26.06.21

22061869_FBHat.jpeg

A Daniela vai ficar um bocado chateada com o meu desempenho neste desafio, mas foi o me que saiu. Na altura em que li este livro, andava cheia de coisas a que dar resposta (ainda ando) e por isso era complicado ir anotando as minhas perceções acerca da leitura.

Para complicar lia poucas páginas de cada vez que pegava no livro, o que em nada ajudava.

Acabei por conseguir escrever apenas uma entrada para um diário. Cá vai:

22 de maio de 2021

 O tempo e a disponibilidade para a leitura não têm sido muitos. A minha cabeça anda cheia de conteúdo porque são muitas as coisas às quais tenho de dar resposta. Já há muito tempo que não me sentia assim. Há tanto que já nem me recordo com exatidão da data. Isto atrapalha a forma como me relaciono com os livros. A relação é construída de forma intermitente, impactando negativamente a minha experiência leitora.

Hoje terminei a leitura da 1ª parte. Setenta e poucas páginas em duas semanas. São poucas páginas para muitos dias. Desta primeira parte fica a certeza de que Aciman tem uma delicadeza e sabedorias especiais para juntar palavras. O livro está escrito de forma delicada e num tom muito introspetivo. Estou a gostar de Olivier, apesar de só o conhecer através palavras e pensamentos do Elio. Também estou a gostar de acompanhar a intensidade crescente de um amor que se irá tornar avassalador, pelo menos é essa a sensação com que estou a ficar.

Parto para a leitura da segunda parte com a expetativa de Elio dar voz e materializar tudo aquilo que está a viver no seu interior. Quão difícil deve ser para um jovem assumir a sua homossexualidade numa sociedade pouco compreensiva, empática e tolerante. Esta é a reflexão que paira na minha mente ao terminar esta primeira parte.

Depois desta entrada não consegui escrever mais nada. Desculpa Daniela pelo fraco desempenho na resposta a este desafio.