Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por detrás das palavras

Opinião | "Desejos do coração" de Jude Deveraux (Edilean #5)

P_20200325_170732.jpg

"Desejos do coração" é o quinto livro da série Edilean e o sexto livro que leio de Jude Deveraux. Na generalidade tenho gostado dos seus livros. Prefiro os livros de época do que os livros com histórias mais contemporâneas. Acho as narrativas das histórias de época mais apelativas e interessantes. De todos os que já li até ao momento, este foi o que menos gostei.

A narrativa começou bem e com uma premissa interessante: desvendar os mistérios de uma história familiar.
Gemma foi a escolhida para descobrir a história da família Frazier e, sem querer, acabou por conquistar outras coisas, nomeadamente um romance com Colin, o filho mais velho da família.

O romance entre Gemma e Colin não me convenceu. Não me interpretrem mal, eles são amorosos, há romantismo, mas a faísca incendiou demasiado depressa. Se comecei o livro identificando-me com Gemma, a sua personalidade e a sua forma de estar na vida, a forma como tudo evoluiu à sua volta foi demasiado rápida. Tão rápida que considero ser incapaz de corresponder aos padrões que definem a Gemma enquanto pessoa. Comecei a torcer o nariz e o entusiasmo foi esmorecendo

É uma história de amor bonita, romântica, previsível e com um conjunto de características que alimentam pensamentos positivos. Apesar de tudo isto, o livro não me conseguiu tocar com a profundidade que outras histórias do género já conseguiram comigo. 
É uma leitura agradável? Sim. Contudo, está longe de ser memorável ou mesmo inesquecível.
Há até uma situação que acaba esquecida pela autora. É um elemento importante na construção da relação entre Gemma e Colin, mas a escritora acaba por deixar passar. Este foi um dos aspetos mais reveladores da falta de profundidade da escritora na forma como optou abordar a história.

O livro cumpriu a sua função de entreter e oferecer uma história agradável e termina com uma mensagem positiva.

Classificação
 

Opinião | "Perfume de Jasmim"de Jude Deveraux (Edilean #4)

Perfume de Jasmim (Edilean, #4)

Classificação: 5/5 Estrelas

Já não pegava num livro da Jude Deveraux há dois anos. Geralmente são leituras que guardo para os meses mais quentes porque me fazem sonhar e me deixam mais descontraída. Este ano, depois de tantas situações stressantes que já tive merecia uma leitura assim. 

Perfume de Jasmim é um dos livros cuja ação decorre no passado. Através do livro fiquei a conhecer Cat, filha de Angus e Edilean (2º livro da série). É uma rapariga aventureira, cheia de garra e que me cativou logo desde o início. É uma personagem que tem tanto de doce como de divertido. Uma verdadeira amazonas com um toque de classe e sensibilidade.
A Cay junta-se Alex, um homem desprovido da sua liberdade. Este casal funcionou muito bem. Há química entre eles, há companheirismo e há amizade. Um casal literário que me encheu o coração e que me inundou de amor. Não sei como é com vocês, mas comigo, quando leio um livro com uma boa história de amor é como se tudo o que é positivo entrasse dentro de mim e me deixasse mais otimista e mais feliz. Para mim, este género de livros são uma excelente forma de quebrar com os pensamentos mais negativos.

Para além da diversão proveniente das interações entre Cay e Alex, o aparecimento dos irmãos de Cay foi também um momento com a capacidade de me arrancar umas boas gargalhadas. São divertidos, inteligentes e muito ternos e protetores com a Cay.
Ainda não escrevi sobre o Alex... Gostei dos muitos mistérios que foram construídos à sua volta. Gostei de o ver fraquejar perante uma Cay que lhe limpou o coração do passado e lhe ofereceu aquilo que amor deve oferecer a toda a gente.

Tal como nos livros anteriores, a autora apresenta uma escrita fluída e recorre muito ao discurso direto. Desta forma, eu nem dei pelo avançar das páginas e em pouco mais de 24 horas terminei o livro. A história viciou-me ao ponto de sentir dificuldades em largar o livro. Aproveitei todo o meu tempo livre para ler.

Na estante sobre apenas um livro desta autora e desta série. Não sei se ele resistirá até ao próximo Verão. 

Opinião | "Perfume da Paixão" de Jude Deveraux (Edilean #3)

Perfume da Paixão (Edilean, #3)

Classificação: 4 Estrelas

Jude Deveraux cria narrativas envolventes, simples e que me prendem quase desde as primeiras páginas. Este é o terceiro da série Edilean e a ação passasse no presente. Assim, ficamos a conhecer Sara, uma jovem considerada por todos como alguém muito bondoso, mas que não tem sorte nos "amores" que lhe saem em sorte.

Na minha opinião, as coisas em torno de Sara e o Mike aconteceram de uma forma demasiado instantânea. Porém acho que é um casal que funciona e transmitiram-me química.
Em termos de acontecimentos significativos ao longo do desenvolvimento da narrativa, senti que alguns aspetos careciam de mais explicações. A parte mais policial foi a mais confusa para mim. Talvez por fazerem referência a imensas personagens, a acontecimentos passados... não sei, simplesmente não fiquei totalmente convencida.
Para além desta confusão tudo acontece demasiado depressa, não há tempo para as personagens crescerem e se mostrarem para além do seu aspeto físico e dos seus problemas.
Senti falta de uma maior profundidade.

Foi uma leitura agradável, com momento de alguma compulsividade mas que não encantou tanto como os livros anteriores.
Curiosa para avançar com mais livros da série.

[Opinião] Dias de Ouro (Edilean #2)


Dias de Ouro (Edilean, #2)

Autor: Jude Deveraux
Ano: 2011
Editora: Quinta Essência
Número de páginas: 401 páginas
Classificação: 5 Estrelas

Sinopse
Escócia, 1766. Angus McTern tem tudo o que pode desejar na vida. Embora o avô tivesse perdido as terras e o castelo da família num jogo de cartas quando Angus era pequeno, ele continua a encarar seriamente os seus deveres na qualidade de laird. Por conseguinte, quando a herdeira legítima do castelo — a bonita Edilean Talbot — aparece, a calma existência de Angus fica abalada para sempre… 
No início, Angus trata Edilean com frieza. Ressente-se da educação privilegiada da jovem e sente-se enraivecido pela forma como todo o seu clã parece adorá-la. Contudo, quando a herança de Edilean é roubada e ela precisa desesperadamente da sua ajuda, Angus põe o orgulho de lado. Porém, nem tudo é o que parece, e devido a uma terrível confusão Angus é acusado de se apoderar da herança da jovem. A partir desse momento, a única forma de escapar à perseguição consiste em subir a bordo de um navio na companhia de Edilean. Durante a travessia, o amor começa a nascer entre eles. Contudo, a felicidade é de curta duração pois não é a liberdade aquilo que os espera na América, mas o ganancioso noivo de Edilean, que faz tudo para obrigar Edilean a regressar à Escócia com ele. Porém, o destino volta a reunir Angus e Edilean...

Opinião
Dias de Ouro é o segundo volume da Série Edilean e conta-nos como é que surgiu a cidade de Edilean, palco de todos os acontecimentos da série. Fiquei deliciada com o livros e ainda gostei mais do que o primeiro volume da série, Jardim de Alfazema.

Jude Deveraux consegue entrelaçar neste livro aspectos que o tornam especial. Uma história bem contada com personagens fortes e cativantes, com algum suspense e com um romance faiscante que tanto nos enternece como nos faz rir preenchidos por diálogos doces e divertidos.

Angus é um herói apaixonante. Bondoso e bem-humorado que confia demasiado nas pessoas. Apaixona-se por Edilean, uma jovem que pertence a um mundo social diferente do dele. Aquilo que Edilean faz para mostras a Angus a sua força e a sua fibra fez-me admirar esta mulher. Conseguia responder à letra às provocações de Angus e só houve um momento que que ela ficou sem resposta, mas mesmo assim conseguiu encontrar uma forma de desafiá-lo.

É um livre leve, divertido e com um bom romance. Gostei muito do livro, das personagens, de Angus e Edilean a soltarem o seu amor em forma de faíscas que no fim se tornou num belo fogo de artifício e dos momentos divertidos que foram pautando a história. Adorei os diálogos. Coerentes e bem construídos, capazes de fazer transparecer todas as emoções que as personagens iam sentido. Agora resta-me partir para a leitura dos restantes livros da série e deliciar-me com os acontecimentos na encantadora cidade de Edilean. 

Opinião | "Jardim de Alfazema" (Série Edilean #1) de Jude Deveraux

 

Autor: Jude Deveraux
Ano: 2010
Editora: Quinta Essência
Número de Páginas: 352
Classificação: 4 Estrelas
Desafio: Reading Romances
               De A a Z...

Sinopse
Jocelyn Minton é uma  mulher dividida entre dois mundos. A mãe estudou em colégios particulares e frequentava as melhores salas de chá, mas acabou por casar com o biscateiro local.
Joce tinha apenas cinco anos quando a mãe morreu e, quando o pai volta a casar, a criança sente-se mais só do que nunca - até que conhece Edilean Harcourt, que, apesar de já não ser uma jovem, compreende Joce melhor que ninguém.
Quando Miss Edi morre, deixa à amiga todos os seus bens, incluindo uma histórica mansão do século XVIII e uma carta com pistas para a jovem decifrar um mistério que remonta a 1941. Na carta, Miss Edi também revela que encontrou o homem perfeito para Joce, um jovem advogado.

Joce fica chocada ao saber que a mansão e o futuro amor da sua vida se encontram em Edilean, de que nunca antes ouvira falar. Curiosa perante esta reviravolta do destino, Joce mudou-se para a pequena cidade, decidida a dar um novo rumo à sua vida.
Em Edilean, todos conhecem a história da jovem e já delinearam o seu futuro, incluindo o homem com quem se deverá casar. Acontece, porém, que Joce tem as suas próprias ideias acerca do homem que terá de conquistar o seu coração e o que fazer aos segredos que ninguém quer ver divulgados. Mas, quando estes se revelam parte da sua história, o certo é que a vida parece ganhar uma nova cor...
 

Opinião

Este foi o livro ideal para quebrar com o estado de espírito (diga-se pesado) que o livro anterior deixou. Jardim de Alfazema é um romance leve e muito romântico que conduz o leitor por lugares bem descritos e que apetece conhecer. 
Comparando este livro com o livro anterior que li da mesma autora, Ninguém para amar,este possui uma narrativa mais dinâmica que deixa o leitor preso à história desde a primeira página. 
 
Joce é uma mulher jovem, muito calma, com umas piadas engraçadas (conseguiram despertar-me alguns sorrisos) que herda uma mansão num lugar que ela nunca ouviu falar na vida. Quem lhe deixou este mansão foi uma velha senhora, Edi, com quem ela partilhou grande parte da sua vida e a ajudou a suportar uma família que fugia aos padrões da sua personalidade. A própria Edi tem um história de vida fantástica que Joce vai descobrindo com a evolução do livro. Confesso que fiquei com pena de o livro não ter mais uns capítulos com a história de Edi... As passagens que aparecem no livro são deliciosas e deixam o leitor com vontade de ler e saber mais. 
 
Joce muda-se para a nova mansão e vê-se obrigada a lidar com um conjunto de personalidades que chocam um pouco com a sua pacatez e introversão... Pessoas que lhe aparecem pela casa adentro; dois homens que entram na sua vida, um que ela simpatiza desde o início e outro que é o oposto daquilo que ela é (mas será mesmo o oposto). Estes dois homens são o Ramsey, um advogado, e Luke, um jardineiro. As interações entre Luke e Joce, no início do livro são muito engraçadas. Luke encerra em si um mistério que vai despertando o coração das leitoras... No meu caso, simpatizei logo com Luke desde o início, o Ramsey era meloso de mais e parecia-me sem carisma.
 
É uma narrativa misteriosa, envolvente, cativante. Proporciona-nos momentos descontraídos, calmos e que nos despertam os sentidos. É uma boa leitura para momentos em que sentimos o nosso pensamento pesado, para momentos em que nos sentimos em baixo... É um livro optimista!
 
Boas leituras e deixem-se invadir pelas palavras!  

Opinião | "Alguém para amar" de Jude Deveraux


Sinopse

Jace Montgomery é um homem só. Passaram-se três anos, mas não conseguiu ainda ultrapassar o misterioso suicídio da sua noiva Stacy. Não voltou a interessar-se por outra mulher desde então e a família continua a culpá-lo pela sua morte. Ao folhear um dos antigos romances de Stacy, Jace descobre uma fotografia de uma casa com uma mensagem codificada. «Nossa, mais uma vez. Juntos para sempre. Até lá». O bilhete datava do dia anterior à morte dela. Obcecado pela necessidade de entender o suicídio de Stacy, Jace procura a propriedade - Priory House, uma enorme fortaleza de tijolo em Margate, Inglaterra - e compra-a.
Jace parte para Inglaterra determinado em descobrir finalmente a verdade. Não demora a perceber que a casa está assombrada por um obstinado fantasma, Ann Stuart, com quem se vê obrigado a lidar para resolver o mistério. Ann morreu em circunstâncias idênticas às da sua falecida noiva e ele tem um palpite de que existe uma relação entre ambas. Através das suas investigações e com a ajuda de uma bela jornalista, Jace vê-se forçado a estabelecer a conciliação entre a vida e a morte da noiva.
Alguém para amar é uma bela descoberta sobre o tempo e o amor da autoria de uma das romancistas mais acarinhadas pelos leitores de todo o mundo.
 
Opinião
Jace amava Stacy, mas isso não a impediu de se suicidar... Já não bastava Jace ter de lidar com a dor de ter perdido a pessoa que amava como ainda tem de lidar com acusações da família da noiva. O desejo de resolver o mistério que envolve o suicídio de Stacy e de recuperar a sua paz interior leva Jace até Inglaterra onde compra uma casa "habitada" por um fantasma que morreu de forma idêntica a Stacy. Começa aqui a grande aventura de Jace!!! E nós, leitores, somos arrastados pelo mistério que envolve toda a estória... Somos facilmente conquistados pelas personagens, pelo romantismo pelas situações especiais que vão sendo descritas.
 
É um livro de leitura fácil, contudo falta um certo ritmo de escrita nas páginas iniciais... Este aspecto faz com que as primeiras páginas não sejam tão cativantes, mas com o desenrolar da narrativa ficamos cada vez mais presos aquilo que poderá acontecer.
 
Adorei o Jace!! É um personagem masculino que reúne características que apaixonam qualquer leitora. Nigh, a jornalista, proporciona-nos momentos com alguma piada... Só tive pena que romance destes dois só tenha conhecido momentos mais felizes nas últimas páginas do livro. Porém, este facto é compreensível pois Jace ainda não tinha resolvido, no seu interior, a morte de Stacy.
 
Este foi a minha primeira viagem pelas palavras de Jude Deveraux e confesso que fiquei fã da autora. Não é um livro marcante, daqueles que nos fazem pensar na estórias dias e dias, que nos levam a uma leitura devoradora e nos angustiam as horas de espera entre uma leitura e outra. Mesmo assim, consegue proporcionar-nos momentos agradáveis e o mistério que envolve prende-nos à história.

Mais sobre mim

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Reading Challenge

2023 Reading Challenge

2023 Reading Challenge
Silvana (Por detrás das Palavras) has read 0 books toward her goal of 30 books.
hide

Palavra do momento

Por detrás das Palavras

O Clube Mefisto

goodreads.com

Mais visitados

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub